O que fazer em Pipa, no Rio Grande do Norte? Os 9 Melhores Passeios e Atrações da Região

Se está planejando sua próxima viagem de férias, a lua de mel  ou simplesmente sonhando com destinos paradisíacos, vale a pena conferir as praias e o que fazer em Pipa. Um ponto turístico de destaque no Rio Grande do Norte, Pipa atrai gente de todo o Brasil e muitos turistas internacionais.

A Praia de Pipa é na verdade um vilarejo com várias praias diferentes. Cada uma com águas cristalinas, espetáculos únicos e opções para todos os gostos. No entanto, o maior destaque da região fica realmente com o Chapadão.

Este belo marco geográfico deixa toda a visita com cara de cinema. Graças à sua altura a horizontes amplos, é possível ter vistas belíssimas, sentir o vento do mar e tirar belas fotos.

Além disso, graças ao Chapadão, as praias de Pipa contam com as famosas falésias. Estes paredões multicoloridos são painéis naturais que emolduram de forma espetacular as areias. Seu tamanho é de se admirar e faz você se sentir como formiguinha na areia.

Relativamente próxima de Natal, capital do estado, Pipa pode ser visitada em um bate e volta de um dia. No entanto, há tanta coisa para curtir no lugar que vale a pena fazer um roteiro de dias e uma viagem dedicada a experimentar tudo. Se não puder, ainda assim vale a pena retornar outras vezes para conhecer mais.

Seja você um fã de cerveja, sol e água de coco à beira mar, caminhadas em praias desertas, praticante de esportes radicais ou só quer variar um pouco do Rio de Janeiro ou outros destinos no nordeste, confira abaixo nossas dicas do que fazer em Pipa.

Guia completo para transformar sua viagem para Natal em um sonho inesquecível

Apenas R$17

1. Visitar as praias

Como não poderia deixar de ser, ir às várias praias existentes é um programa carro-chefe para fazer em Pipa. Todas elas oferecem visuais deslumbrantes e são passeios super deliciosos. O contato com a natureza é sem igual.

É possível alcançar algumas com poucos minutos de caminhada entre uma e outra. Por outro lado, boa parte exige o uso de escadas para alcançar, graças às falésias.

Infelizmente este aspecto geográfico tão belo da região pode ser grande empecilho para alguns. Pessoas com algum tipo de comprometimento da mobilidade podem enfrentar muitas dificuldades. Ou mesmo para quem não possui tanta disposição para alcançar estas praias, isto pode ser um empecilho.

Apesar disso, se você tem condições de ir em uma ou várias delas, não perca a chance. Certeza que se encantará e voltará para conhecer as que ficarem de fora. Confira abaixo as principais praias da região.

foto de pipa
Créditos: Focus Fotografia Turística

Praia do Centro

Esta é a principal praia de Pipa e provavelmente uma das primeiras que você visitará. Sua localização é ótima, bem próxima do centro de Pipa. Logo, é o lugar ideal para ir caminhando, passar o dia e apenas curtir o momento. Justamente por isso, ela é sempre movimentada.

Isso faz dela o ponto ideal para quem gosta de estar com outras pessoas e aproveitar os bares e restaurantes presentes. Para quem gosta de passar o tempo tomando algo e comendo as comidas tradicionais de praia, essa é a pedida. De quebra, ainda tem a oportunidade de dar um mergulho em suas águas cristalinas.

Quando a maré baixa, você consegue caminhar por grandes faixas de areia. Caso deseje, é possível ir a pé mesmo para a Baía dos Golfinhos, nossa próxima recomendação entre as praias de Pipa.

Vale também conferir a Praia do Morto, com suas piscinas naturais.

Baía dos Golfinhos

A Baía dos Golfinhos também fica bem próxima ao centro de Pipa, mas diferentemente da anterior é bem menos movimentada. Aqui não há estruturas, o que permite um contato mais íntimo com a natureza. No entanto, existem algumas barracas para quem quiser relaxar um pouco.

Aliás, contato com a natureza é o sobrenome desse passeio. Pois, como diz o nome da praia, é possível avistar inúmeros golfinhos em suas águas. Sua aparição é imprevisível, mas é constante o suficiente para ser a marca registrada do lugar.

É possível chegar aqui caminhando da Praia do Centro na maré baixa. Para quem prefere ir por água, na maré alta, é possível vir de barco, o que aumenta as chances de avistar os golfinhos.

Algumas das atrações da Baía, além do passeio de barco e os golfinhos, são o passeio de caiaque ou o surf stand-up. As falésias também são uma ótima vista, mas merecem atenção. Não é recomendado ficar próximo a elas, já que podem ocorrer deslizamentos, e deve-se retornar antes que a maré suba.

baía dos golfinhos
Créditos: Focus Fotografia Turística

Praia do Madeiro

Esta é considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, o que faz dela uma visita quase obrigatória. É possível chegar na Praia do Madeiro de carro ou ônibus, vindo do centro, ou mesmo a pé pela Praia do Centro ou do Santuário Ecológico.

No entanto, para acessar a praia é preciso passar por uma trilha e uma escadaria. Isso faz do acesso a ela um pouco complicado, como dissemos na introdução.

Apesar disso, o esforço é recompensado com a bela vista e as barracas de praia com seus guarda-sóis e espreguiçadeiras. Graças a isso ela é movimentada, assim como a Praia do Centro. Para quem gosta de esportes ou quer tentar algo diferente, é possível fazer aulas de surf aqui.

Praia do Amor

Outra das principais praias de Pipa, a Praia do Amor é famosa pelo seu contorno que lembra um coração. O acesso é feito por escadarias, de onde o contorno é visível na maré baixa. Por isso, programe a visita caso queira vê-lo.

Também é possível chegar aqui pela praia central de Pipa com cerca de vinte minutos de caminhada, porém apenas na maré baixa. Há ainda um acesso através do Amô Restaurante e Tapiocaria. Apesar do estabelecimento cobrar pelo uso de suas estruturas, como piscinas, o acesso é livre para uso de visitantes.

Existem algumas barracas com cadeiras de aluguel para quem quer relaxar enquanto come e bebe algo. A Praia do Amor é também conhecida por suas ondas, ideal para quem pratica surf. Além disso tudo, na maré baixa também se formam algumas piscinas naturais belíssimas e muito convidativas.

praia do amor pipa
Créditos: Focus Fotografia Turística

Praia de Cacimbinhas

A Praia de Cacimbinhas é um grande destaque nos passeios de Pipa. Já começa com o seu visual deslumbrante que pode ser admirado pelo mirante. As falésias aqui são de um vermelho muito vivo, que forma um espetáculo de cores junto da areia e do mar.

Ela não possui estruturas fixas e o destaque fica para a prática de esportes. Aqui você pode aproveitar atividades como o kitesurf no mar, aproveitando os ventos fortes da região. Em terra, tem o famoso esqui-bunda nas dunas de areia em frente ao mar.

Praia de Sibaúma

Esta é uma praia mais afastada da agitação do centro de Pipa. Ela não possui estruturas ou quiosques, o que faz do passeio super relaxante para quem quer apenas curtir a natureza e um momento de tranquilidade (quem gosta de paz, também poderá curtir a praia da restinga).

O acesso para a Praia Sibaúma é feito por buggy, carro e bicicleta. Também existe transporte público para cá.

Uma vista deslumbrante é garantida pelo Mirante das Tartarugas. Já no final da praia, o espetáculo é a piscina natural que se forma no encontro do mar com o Rio Catu.

Outras praias

Apesar da lista acima apresentar as principais praias de Pipa, existem algumas outras na região que valem a visita. Elas são mais vazias, portanto, são passeios para quem quer curtir momentos mais tranquilos.

Em Tibau do Sul, existe a praia do centro da cidade. É um passeio mais distante de Pipa, mas facilmente feito de carro ou transporte público.

Ainda para adicionar na lista do que fazer em Pipa, há a afastada e deserta Praia das Minas, local de desova de tartarugas.

praias em pipa
Créditos: Focus Fotografia Turística

2. Experimentar os restaurantes locais

Como toda praia, Pipa possui uma infinidade de barracas, quiosques e restaurantes à sua disposição. Para quem quer aproveitar com uma cerveja ou drink enquanto come frutos do mar, as possibilidades são variadas. Quase toda praia tem muitos lugares onde sentar e curtir a areia e o mar.

Já se você está em busca de um lugar para almoçar e jantar, a dica é passar na Avenida Baía dos Golfinhos, também conhecida como Av. dos Golfinhos. Esta via e as que a cruzam possuem várias opções de restaurantes com comida saborosa, de muitos tipos e faixas de preço diferentes (com bom custo-benefício).

O Tal do Escondidinho oferece o que de melhor há na culinária nordestina, ideal para complementar o passeio na região.

Para os fãs da cozinha italiana, tem o Cicchetti, com pratos menores e mais baratos, perfeitos para você comer o quanto desejar até estar satisfeito.

Se você quer fugir um pouco do tradicional vale uma visita ao Tranquilo, restaurante de comida contemporânea.

Já na Praia das Minas você encontra o Filha da Lua, resort com serviço day-use. Seu restaurante é 100% glúten free e zero lactose em todos os pratos e sobremesas. Vale a pena fazer uma reserva.

Mas se você quer comer um pouco mais à vontade sem gastar tanto, não se preocupe. Na Avenida dos Golfinhos e ruas próximas você também encontra lugares de self service com comida mais barata e em maior quantidade. O Âncora Potiguar, por exemplo, oferece comida regional a preço acessível e boa quantidade.

Quando o assunto é sobremesas, além das oferecidas nos próprios restaurantes, o destaque fica com os sorvetes e açaí. Estabelecimentos como o Açaí da Pipa, Preciosa Gelateria e Sorveteria Real de 14 oferecem muitas opções de sorvetes, saborosos e a preços confortáveis.

buggy da empresa marazul em natal
Marazul Receptivo

3. Passear de buggy, quadriciclo e jipe

Uma maneira super divertida de se visitar lugares marcantes de Pipa é através dos passeios de buggy, quadriciclo e jipe. Todas essas opções motorizadas estão disponíveis e oferecem uma aventura sem igual.

Os roteiros e experiências variam dependendo da opção escolhida. O quadriciclo, por exemplo, você mesmo pode pilotar, o que faz dessa opção interessante para quem é mais aventuresco.

É possível visitar a Praia das Minas e curtir toda a paisagem das falésias e do Chapadão. No entanto, o roteiro oferecido é apenas durante um turno, metade do de jipe.

Com o jipe, você visita as praias ao norte e ao sul de Pipa durante todo o dia. O roteiro inclui visitas à Barra do Cunhaú, Praia do Madeiro e o esqui-bunda na Praia de Cacimbinhas. Há parada para o almoço e tudo se encerra com o belo pôr do Sol na Lagoa Guaraíras.

A diferença fica também no preço. O quadriciclo é uma opção um pouco mais cara, considerando que apenas duas pessoas vão no veículo e o passeio possui metade da duração. Realmente, é válido para quem busca a experiência de pilotar o próprio veículo.

Já o buggy ou o jipe são opções mais em conta. Principalmente o passeio de buggy, que pode ser dividido em até quatro pessoas e conta com o dia todo de aventuras. Ideal para família, casais viajando juntos ou amigos.

4. Conhecer o Chapadão de Pipa/RN

Algo que é certeza que você deve fazer em Pipa, mesmo sem planejar, é conhecer o Chapadão de Pipa. Isso porque este cartão postal da cidade de Tibau do Sul é tão famoso e forma paisagens tão bonitas que está incluso em boa parte dos passeios que são destaque.

Caso você opte pelas viagens motorizadas de jipe e buggy, os roteiros incluem o Chapadão. Ele fica logo acima da Praia do Amor e da Praia das Minas, outros pontos famosos daqui. Existem hotéis bem próximos ao Chapadão. E mesmo vindo do centro de Pipa, não é uma caminhada de muito mais de vinte minutos.

Essa facilidade de acesso é exageradamente recompensada pela vista belíssima que o alto do chapadão oferece. É difícil não se espantar e perder alguns minutos admirando as praias, o céu e o mar no seu horizonte sem fim. Perfeito para renovar as energias e tirar algumas fotos sem igual!

chapadão de pipa
Créditos: Focus Fotografia Turística

5. Visitar o Santuário Ecológico

Um passeio no Santuário Ecológico te colocará frente a frente com toda a beleza natural da região. Longe do movimento das praias e barracas, aqui você tem a opção de escolher entre 16 trilhas diferentes. Cada uma delas te leva por lugares deslumbrantes da reserva ambiental.

No parque você poderá observar várias espécies de plantas e animais típicos, todos em seu habitat natural e vivendo de maneira saudável. As trilhas são confortáveis e ideais até mesmo para idosos ou crianças. Para diversão geral, existe o Mirante dos Golfinhos e o Mirante das Tartarugas, de onde é possível observar estes animais.

Para andar pelas trilhas do Santuário Ecológico, não é preciso contratar o guia. No entanto, a entrada no parque é paga com o valor de 20 reais por pessoa. Uma das trilhas leva até a Praia do Madeiro, outro belo lugar para adicionar na lista do que fazer em Pipa.

Ótima chance de interligar as visitar e aproveitar o resto do dia.

santuário ecológico de pipa
Créditos: Focus Fotografia Turística

6. Relaxar na Lagoa de Guaraíras

A Lagoa Guaraíras é mais uma paisagem natural que os arredores de Pipa oferecem. Ela é bastante visitada durante o pôr do Sol e não por menos. Suas águas refletem a luz e formam um espetáculo de cores e luzes de encher os olhos.

Mas não para por aí. Aqui você pode fazer passeios de barco e, com sorte, avistar alguns golfinhos nadando pela lagoa.

Além disso, os manguezais também oferecem uma oportunidade única de entrar em contato com um maravilhoso bioma brasileiro. Para quem quiser, é possível tomar um banho de lama.

Lagoa de Guaraíras
Créditos: Focus Fotografia Turística

7. Admirar o nascer e o pôr do Sol nos diversos mirantes

Já citamos algumas vezes o pôr do Sol, mas ainda assim vale um tópico próprio para ele. As paisagens elevadas de Pipa oferecem oportunidades belíssimas de ver o Sol surgir ou se pôr no horizonte. O destaque, claro, fica com o Chapadão, o lugar ideal para caminhadas, fotos ou simplesmente admiração.

Além deles há outros mirantes, como o Mirante dos Golfinhos e o das Tartarugas. O desconhecido mirante Cruzeiro, localizado no Morro da Velha Vivência, é uma boa opção para quem é mais reservado.

Por outro lado, se você busca um pouco mais de movimento com a possibilidade de bons drinks, vale a pena conferir o Mirante Sunset Bar. Ele oferece seis mirantes com lugares para se sentar, paisagem cheia de verde e atendimento com garçons. São mesas disputadas, mas há também um bar central bastante agradável.

O Mirante Sunset Bar fica aberto, geralmente, das 16h às 19h com entrada paga por pessoa. O preço varia dependendo do dia, por isso verifique antes de ir. Este horário é prolongado até às 21h quando tem apresentações de música ao vivo.

8. Aproveitar a vila de Pipa/RN

Por mais que as praias, mirantes e vistas naturais sejam os principais pontos buscados por turistas, muito há para se fazer entre as ruas e avenidas do vilarejo. A Av. Baía dos Golfinhos oferece restaurantes e bares maravilhosos para surpreender o paladar de qualquer visitante.

As próprias ruas formam um espetáculo à parte, muitas vezes. Caso visite a Galeria Vila Mangueira, na Rua Beija Flor no centro de Pipa, se sentirá em um cenário de filme ou novela. Praticamente obrigatório tirar algumas fotos aqui.

Quem curte festas e uma vida noturna, não tem nada a perder em Pipa. Além de passar a noite com boas bebidas em algum dos vários bares, o lugar oferece uma diversidade de opções de baladas e festas.

É possível ir até tarde, ou mesmo virar a noite, em lugares como o Bakana Bar, Tribus Bar, Ágora Pousada Lounge Bar ou no Calangos. Este último cobra entrada e se assemelha mais a uma balada de fato. Nestes lugares você pode curtir música ao vivo e DJs, com belos bares e aperitivos.

Tanto nas praias e quiosques quanto nos bares e casas noturnas, não perca a chance de interagir com os demais visitantes. Pipa é conhecida internacionalmente e recebe visitantes de todo lugar. Aproveite para interagir com pessoas de regiões diferentes do Brasil e os visitantes de toda América Latina e do mundo.

vila de pipa (centrinho)
Créditos: Focus Fotografia Turística

9. Curtir diversas aventuras

Por fim, a natureza viva e preservada de Pipa dá a oportunidade de atividades muito divertidas. Entre elas você encontra o arvorismo, um passeio cheio de aventura e diversão entre as copas das árvores. Ao final, uma tirolesa fecha com chave de ouro a atração.

Para os mais radicais tem a atração do parapente na Cacimbinhas.

Nele você poderá voar pelos céus de Pipa e observar de um ponto de vista privilegiado as belezas que o lugar oferece. Por mais que as fotos feitas por drone sejam ótimas, nada substitui ver com seus próprios olhos.

Se estiver com um dia livre e muita animação, considere um bate e volta de Pipa até a Baía Formosa, na divisa do Rio Grande do Norte com a Paraíba. Se for a Tibau do Sul, vale destacar a Praia do Giz.

Dúvidas e curiosidades sobre Pipa

Pipa é um dos destinos mais procurados do Brasil. Justamente por isso, muitas dúvidas surgem quando o assunto é visitá-lo e as principais atividades para fazer em Pipa.

Se você pensa em fazer essa jornada, mais ainda está com a pulga atrás da orelha, confira abaixo as perguntas mais frequentes sobre a viagem para Pipa e região.

Em qual cidade fica a praia de Pipa?

Pipa é um distrito do município de Tibau do Sul, no estado do Rio Grande do Norte, a 85 km de Natal. Inicialmente uma vila de pescadores, o local rapidamente ganhou fama graças às suas belas praias e paisagens. O Chapadão e suas falésias formam cenários deslumbrantes, margeando boa parte das praias de águas cristalinas.

Qual é a melhor praia de Pipa?

Pipa oferece praia para todos os gostos. Para quem gosta de mais movimento e muitas opções de locais onde sentar para comer e beber enquanto curte o mar, sem dúvida, a melhor opção é a Praia do Centro, ou mesmo a Praia do Madeiro.

Se você busca mais tranquilidade, sem muitas pessoas ou barulho, as melhores opções são praias mais vazias ou afastadas do centro como a Baía dos Golfinhos, Praia do Amor, Praia das Minas, Praia Sibaúma ou de Cacimbinhas.

Perguntas e Respostas

Quantos dias são necessários para conhecer Pipa?

O tempo ideal para aproveitar ao máximo Pipa e região é de 3 ou 4 dias. No entanto, é possível fazer um bom passeio em 2 dias. Este é o tempo necessário para seguir roteiros por algumas praias, observar o pôr do sol nos mirantes e visitar alguns outros pontos turísticos, atrações e curtir a vila.

É possível fazer um bate e volta saindo das cidades de Natal - RN ou mesmo de João Pessoa - PB. As viagens levam cerca de 1h30 e 2h, respectivamente. É um trajeto bonito e rápido, que não toma muito tempo da exploração de Pipa e das atrações principais.

Como chegar à Praia da Pipa?

É possívelu00a0 chegar em Pipa de Natal - RN em cerca de 1h30 de carro ou ônibus. Esse bate e volta é feito por muitos turistas para conhecer a vila e região Outra opção é a Rota do Sol, vinda também de Natal, e que passa por vários mirantes e praias. Se a Rota do Sol for sua escolha, ela dura cerca de 2h30.

Um traslado faz a viagem de ida e volta até Pipa saindo do aeroporto de Natal. É uma opção confortável e com boa disponibilidade de horários. Uma opção viável é a partir da cidade de João Pessoa, capital da Paraíba. A viagem leva cerca de duas horas e passa pela BR-101.

Como se locomover em Pipa?

Já na vila de Pipa você consegue se deslocar de várias formas. Uma das melhores opções é alugar um carro. Isso pode ser feito em Natal, em João Pessoa ou na própria Pipa. Além disso, há a possibilidade de pegar algumas das várias vans que passam pela cidade e vários locais de atração, ou usar aplicativos de transporte.

No entanto, graças à proximidade de tudo na região, é muito confortável fazer alguns trajetos a pé ou de bicicleta. Alguns dos principais pontos ficam próximos entre si. Os passeios de buggy, jipe e quadriciclo também são boas opções que unem a possibilidade de se deslocar entre os lugares com velocidade e adrenalina.

Qual a melhor época para ir para Pipa?

Pipa pode ser visitada o ano todo. Graças à sua localização, o clima é agradável ao longo de todos os meses e o calor favorece os banhos de mar. A alta temporada, como é de costume em lugares turísticos, é mais movimentada, com mais disputa para as reservas e, consequentemente, mais cara.

Viajar fora de temporada é sempre uma boa opção. Os meses de Outubro e Novembro apresentam bons preços sem muita concorrência. Já os meses do primeiro semestre, especialmente entre Abril e Julho, são mais chuvosos. Apesar das chuvas não serem fortes ou constantes, ainda pode ser um fator de atenção.

Onde ficar em Pipa?

Existem muitas opções de lugares para quem vai passar dias em Pipa. São hotéis, pousadas, hostels ou albergues. Os hotéis e pousadas são as opções mais luxuosas, com piscinas, café da manhã e quartos confortáveis, mas preços mais elevados. Além disso, tendem a ser disputados e precisam de reservas antecipadas.

Para quem quer comodidade para aproveitar tudo que puder, as melhores opções são os hotéis na Av. Baía dos Golfinhos. Ficando aqui você consegue ir a pé para vários lugares famosos. Hospedagem em Tibau do Sul, Natal ou João Pessoa são opções para quem fará bate e volta ou não se importa com as múltiplas viagens.

Não Transforme sua Viagem para Natal em um Pesadelo...

Guia Infalível sobre Natal com dicas de hotéis, restaurantes e todos os pontos turísticos.

Monte um Roteiro Perfeito para Natal em Apenas 60 Minutos - por apenas 17 reais