Natal em dezembro: como aproveitar durante o mês?

Fazer uma viagem para Natal em dezembro é aproveitar a alta temporada em um dos mais incríveis litorais brasileiros. Apesar de a procura ser grande e isso elevar os preços, muita gente prefere curtir os passeios em Natal entre dezembro a fevereiro.

Isso porque, além de aproveitar o verão, esses são os meses de férias escolares, Natal, revéillon e o Carnatal (o carnaval da capital potiguar).

É uma época que combina com o litoral nordestino, com suas praias paradisíacas, passeios pelas dunas, drinks bem tropicais e uma natureza deslumbrante.

Mas é bom começar a preparar suas finanças, porque Natal possui muitos pontos turísticos interessantes, além de boa comida, como a famosa paçoca de carne de sol ou a caranguejada.

Quer viajar para Natal em dezembro? Então, continue a leitura deste post e descubra se o seu próximo destino é passar as férias em Natal nos meses mais agitados do ano!

Guia completo para transformar sua viagem para Natal em um sonho inesquecível

Apenas R$17

Natal (RN) em dezembro: o que fazer na Cidade do Sol na alta temporada?

Uma das melhores coisas a se fazer em Natal durante o mês de dezembro, sem dúvidas, é curtir as praias mais famosas do Rio Grande do Norte.

Praia da Ponta Negra, Pipa, Genipabu, praia de Cacimbinhas, praia dos Artistas – todas elas possuem atrativos, seja por seus restaurantes e bares, seja pela tranquilidade local.

Por isso, selecionamos alguns passeios obrigatórios que você e sua família podem incluir em seu roteiro de viagem. Acompanhe!

1. Mergulhar nas praias de Natal em dezembro

Quando se fala em Natal, a primeira imagem que vem à cabeça é das praias paradisíacas, não é? Então é impossível falar da capital potiguar sem mencionar as praias mais belas e visitadas por turistas.

Praia de Ponta Negra

Para saborear uma típica comida nordestina, fazer comprinhas e passeios junto a agências ou aproveitar a vida noturna, Ponta Negra é o destino certo.

Além de ser um dos pontos turísticos mais recomendados para se hospedar, a praia de Ponta Negra concentra uma rica vegetação e uma vista esplêndida do Morro do Careca, famoso por suas dunas de 100 metros de altura.

Praia de Genipabu

Genipabu é um dos lugares mais badalados do litoral norte, cujo cenário lembra bastante um oásis no meio do Nordeste brasileiro. É uma região que se assemelha a um deserto, com suas famosas dunas de areia branquinha.

Por conta disso, o local, que já foi cenário da novela Tieta, é perfeito para os passeios de buggy e atividades com crianças. E apesar de não estar dentro de Natal, a distância é pequena: no município de Extremoz, a cerca de 25km de Natal, ou seja, bem pertinho para visitar.

Praia de Cacimbinhas

Seu negócio é praticar surf ou kitesurf em Natal? Então anote em seu roteiro de viagem uma passadinha na praia de Cacimbinhas, em Tibau do Sul. O cenário lembra Genipabu, com suas belíssimas dunas e é uma ótima pedida para um passeio de buggy.

Sabe o que mais? Tudo o que você precisa para surfar com segurança você encontra por lá, pois o que não falta é instrutor.

Praia dos Artistas

Uma das praias mais populares de Natal, é também cenário ideal para surfistas por suas belas ondas. Ainda que seja mais tranquila que a praia de Ponta Negra, os turistas podem gostar do ambiente acolhedor, já que os moradores dos arredores são os frequentadores mais comuns dessa praia.

Além da areia propícia para brincadeiras com crianças e as águas cristalinas perfeitas para um mergulho, a praia dos Artistas tem outros atrativos, como barracas e restaurantes. Dá para comer petiscos e se refrescar a beira da praia, enquanto admira a beleza do cenário.

Praia de Maracajaú e Perobas

Já ouviu falar nos famosos parrachos? Quem for viajar para Natal em dezembro poderá curtir um dos Caribes brasileiros mais incríveis do Rio Grande do Norte.

Os Parrachos de Maracajaú são piscinas naturais que levam o viajante a mergulhar e conhecer suas profundezas arrebatadoras. É possível chegar lá a partir da praia de Maracajaú, por meio de lancha ou catamarã.

Já Perobas traz a vida marinha mais próxima do turista. Com águas mais rasas e cristalinas, ninguém precisa ir fundo para apreciar o arrecife de corais. Vale muito a pena!

2. Levar as crianças a parques aquáticos

Se você tem filhos, sobrinhos, primos – todos crianças –, a dica é aproveitar o mês de dezembro em  parques aquáticos. Tem tobogã, skibunda, aerobunda, tirolesa, diversas outras brincadeiras e piscinas.

As crianças vão amar os brinquedos coloridos e tudo o que um parque aquático tem a oferecer. Isto é, acomodações, restaurantes, petiscaria, bebidas e muita diversão.

O Manoa Park, por exemplo, tem 60.000 m² e fica em Maxaranguape, pertinho da praia de Maracajaú. Então depois de conferir os Parrachos, pode ser uma boa se divertir no parque Manoa. O lugar é perfeito para todas as faixas etárias.

Outra opção é o BigBlue, um parque bem mais frequentado por natalenses. Além de playgrounds para a criançada, o parque oferece hidromassagem, restaurante, loja de artesanato, sorveteria, e quiosques que fazem conexões com a praia.

Quer mais uma dica de parque aquático? A especialidade do ServClub é frutos do mar, e tem uma excelente infraestrutura.

Localizado à beira-mar da praia de Camurupim, este parque aquático possui toboáguas, piscinas naturais, sorveteria, creperia, pastelaria, etc. É pura diversão e boa comida.

3. Passear de buggy, quadriciclo, barco ou mini-lancha

Se você vai viajar para Natal em dezembro, principalmente com crianças, não deixe de lado os passeios pelas dunas e praias a bordo de um buggy ou quadriciclo. É simplesmente divertido!

Além das dunas de Genipabu terem o cenário ideal para isso, a Lagoa de Arituba também não fica de lado. Ela está no litoral sul de Natal e banha a natureza com suas belíssimas águas doces.

Repleta de atividades divertidas, você pode gostar de tirolesa, caiaque ou deslizar nas pranchas de stand-up. Há também as mini-lanchas com cobertura, ou os pedalinhos, que são mais em conta.

Além disso, para quem ama uma aventura um pouco mais arriscada, tem os passeios de buggy também pela Lagoa de Guaraíras, na praia de Pipa. Lá, também é possível apreciar o pôr do sol, a melhor vista da região.

Já os passeios de barco são feitos para a Baía dos Golfinhos. Inclusive, você pode viajar de barco até Guaraíras e depois embarcar em uma aventura no buggy. Adrenalina e diversão não vão faltar!

4. Conhecer as trilhas do Parque das Dunas

Se você ama dias de sol e não vê problema em fazer longas caminhadas por trilhas, precisa experimentar o Parque das Dunas. O local é uma reserva natural com vegetação exuberante e cuidado com a fauna e flora da cidade.

O parque também é propício para as crianças, tanto que tem três tipos de trilha: Perobinha, Perobas e Ubaia Doce. Sendo que Perobinha é indicado para crianças a partir dos cinco anos de idade.

Além das trilhas que ajudam a ter uma visão da beleza natural da região, tem piquenique, sala de exposição e biblioteca. Também é um bom lugar para a prática de exercícios físicos e descansar da agitação das praias.

5. Comer e beber em Natal, RN

No verão, o que a gente mais quer é se refrescar com um bom drink e comer aquela comidinha saborosa do Nordeste, não é? Então, ao viajar para Natal em dezembro aproveite as barracas e quiosques à beira-mar. Tem sempre uma bebida refrescante e petiscos deliciosos após um bom banho de mar.

Entre os destaques, está a Taverna Pub, um bar com cara de castelo medieval, com tudo que você tem direito para se sentir dentro de um reino.

Tem também a Casa de Taipa, que funciona como bar e restaurante, com estilo rústico e especialista em tapioca. Não saia de Natal sem experimentar a tapioca da casa, hein.

Agora, se você gosta de um bar diferenciado, que entrega muito mais que boa bebida, pode apostar no Wiskritório. O bar atende diferentes tribos e oferece pista de dança, salão de jogos e shows de pop/rock. Vale garantir os ingressos antecipadamente.

No entanto, se você está atrás de almoço e janta, saiba que o número de restaurantes locais também agrada os turistas.

Muitos deles oferecem opções variadas em seus cardápios que vão além da comida regional.

Tem a culinária libanesa da Rachid’s, que traz opção vegana; a culinária italiana da Mazzano e a Cipó Brasil, com diversos sabores de pizza; a cozinha japonesa da Lotus Japanese Fusion Cuisine; além dos especializados em frutos do mar, como Nau, Farofa D’Água e Camarões Potiguar.

Mas se a sua vontade é apenas experimentar a comida típica nordestina, aqui vão duas dicas:

  • Restaurante Amô;
  • Mangai Ponta Negra.

Enquanto a primeira tem um visual divertido, colorido, e está situado entre a praia de Pipa, Amor e Tibau do Sul, o Mangai fica na praia da Ponta Negra e se tornou um modelo de restaurante com comida nordestina bem típica.

6. Conhecer São Miguel do Gostoso

Natal é ponto de partida para outros destinos incríveis, como é o caso de São Miguel do Gostoso. A vila de pescadores está localizada na BR 101, conhecida por ser o Marco Zero, “esquina do Brasil”.

Por ser tranquila, é perfeita para descansar e tirar fotos de monumentos históricos, como o Farol do Calcanhar, presente ali há mais de 100 anos e com seus 298 degraus.

São Miguel também abriga praias, como a praia da Xêpa, Maceió, Tourinhos, Cardeiro, Santo Cristo e praia do Marco. Inclusive, a praia do Marco foi palco de um momento histórico, segundo dizem: no início do século XVI, os portugueses fizeram sua expedições nessa praia.

Verdade ou não, Gostoso tem seu charme, história e bons lugares para comer e descansar.

Clima de Natal (RN) em dezembro

Natal é aquela famosa cidade do litoral brasileiro que faz sol o ano todo. Até mesmo entre os meses de abril a julho, que tem mais probabilidade de chover, o sol aparece para esquentar.

Então, entre dezembro a fevereiro temos mais sol que chuva. Inclusive, o que é mais incrível em Natal é que as temperaturas não variam quase nada entre uma estação e outra.

Para você ter uma ideia, a média no inverno é de 25º, enquanto no verão é de 30º. O clima é seco e com ventos que agradam surfistas.

É bom viajar para Natal em dezembro?

Isso vai depender do motivo e de quanto você está disposto a desembolsar para bancar uma viagem ao paraíso nordestino, visto que os preços ficam mais salgados na alta temporada.

Isso inclui as passagens aéreas, hospedagens, alimentação e passeios. Então, a dica é definir, com a ajuda de nossos artigos, as respostas para a seguintes perguntas:

  • Quais os pontos turísticos visitar?
  • Onde comer e beber?
  • Quais passeios fazer?
  • Quanto tempo se hospedar?
  • Quais os preços e estimativas da viagem?

Afinal, se você não vai viajar com crianças e nem curte parques aquáticos, não tem porque gastar tempo e dinheiro nesses lugares, certo? Também não vale a pena gastar uma fortuna com hospedagem se a ideia é ficar em Natal por poucos dias.

Uma dica bacana é que se você vai ficar pouco tempo pode escolher um ponto turístico que abriga tudo que você queira conhecer: praia, restaurantes, lojinhas e vida noturna. Esse é o caso de Ponta Negra, tudo em um só point.

Além disso, também é uma boa se hospedar próximo de seus destinos favoritos e que tenham restaurantes ou um bom café da manhã. Na cidade, você encontra pousadas, hostels, hotéis, e também apartamentos para alugar.

Então, vai viajar em dezembro para Natal?

Nada melhor que curtir o clima tropical na estação mais quente do ano, não é? Admirar as principais praias de Natal, mergulhar nos Parrachos de Maracajaú, passear de buggy, deslizar pelas dunas ou fazer caminhadas pelas trilhas.

Assim, há muita coisa legal para se fazer na cidade durante o mês de dezembro!

Não se esqueça de experimentar o melhor dos pratos típicos do Rio Grande do Norte, como a caranguejada, ginga com tapioca, bobó de camarão, feijão verde e a paçoca de carne de sol.

Agora que você já sabe por que viajar para Natal em dezembro, continue aqui, no Mala Pronta Natal, para conhecer melhor os pontos turísticos, passeios e restaurantes da capital potiguar. Boa leitura e boa viagem!

Não Transforme sua Viagem para Natal em um Pesadelo...

Guia Infalível sobre Natal com dicas de hotéis, restaurantes e todos os pontos turísticos.

Monte um Roteiro Perfeito para Natal em Apenas 60 Minutos - por apenas 17 reais